Chinchila: adorável pet

                                              História: da pré-história aos dias atuais                                              

Megamys 

O registro mais antigo que sem tem notícia é a da descoberta, na província argentina de Catamarca, dos fósseis de um grande roedor que acredita-se piamente ser o ancestral da chinchila, o Megamys. Ele viveu nos Andes há milhões de anos atrás e observou-se pelos seus fósseis ter o aspecto de uma chinchila gigante.

http://animalesnormales.com/chinchillas/chinchillas.html

De 1524 (ano em que foram encontrados peles de chinchila em posse dos índios Chinchas pelos espanhóis) até 1910, os pobres animaizinhos quase foram levados à extinção pela caça predatória devido ao toque macio e sedoso de seus pêlos, cuja pele era usada como vestimenta e adornos, o que levou aos governos do Chile, Argentina, Pero e Bolívia a decretarem um acordo para proibir a caça das chinchilas e a venda de suas peles.


A criação de chinchilas em cativeiro

Em 1918, Mathias Chapman, um norte-americano que trabalhava como Engenheiro de Minas no Chile conseguiu autorização do governo chileno para caçar algumas chinchilas selvagens para estudar seu comportamento. Chapman levou aproximadamente um ano para adaptar os chinchilas selvagens às novas condições de vida, pois originalmente viviam a 3500 metros de altura em um clima totalmente diferente do local aonde pretendia criá-las. Em 1923 após enfrentar diversos contratempos, teve permissão para levar 12 chinchilas à Califórnia e com apenas 3 fêmeas iniciou a criação em cativeiro.

Na foto, Mathias Chapman com seu chinchila macho selvagem chamado "Old Hoff" que foi um dos 11 chinchilas que gerou as milhares de chinchilas domésticas existentes hoje no mundo. O pequeno "Old Hoff" viveu por 22 anos após sua chegada na Califórnia, EUA.


As chinchilas que temos em casa são descendentes do cruzamento das chinchilas selvagens Brevicaudata (encontrada em uma grande região compreendida pelos países do Chile, Argentina, Peru e Bolívia) e a Chinchila Lanígera (encontrada na regiãoda Cordilheira dos Andes). Por vários anos desde a introdução da chinchila na criação doméstica, criadores de várias partes do mundo através do cruzamento seletivo dessas espécies deram origem ao chinchila doméstico de características que hoje conhecemos.

Chinchila Brevicaudata 

Foto de Chinchila Brevicautada nas rochas da Cordilheira dos Andes datada de 14/10/2006 por Jaime E.Gimenez, Laboratório de Ecologia da Universidade de Los Lagos, Chile (cópia autorizada por Salix mediante consentimento do autor) 

Chinchila Lanígera 

Foto de Chinchila Lanígera selvagem datada de 14/10/2006 por Jaime E.Gimenez, Laboratório de Ecologia da Universidade de Los Lagos, Chile (cópia autorizada por Salix mediante consentimento do autor)

As chinchilas viviam em grupos e eram monogâmicas. Noturnas, viviam escalando as rochas de seu habitat.

Nos dias atuais, a criação da chinchila como animal de estimação no mundo cresce a cada ano devido ao seu temperamento dócil e facilidade em atender os requisitos básicos para sua criação, inclusive não havendo necessidade de vacinação. 


As chinchilas no Brasil e a lei

No Brasil, a chinchila faz parte da lista de animais de estimação permitida pelo Ibama para criação, venda e importação, desde que sejam provenientes de criações domésticas. A importação de animais selvagens está proibida . 

Para quem deseja acompanhar o Projeto de Lei que proíbe a criação de chinchilas para abastecer o comércio de pele no Brasil, clique neste link:  http://www.camara.gov.br/internet/sileg/Prop_Detalhe.asp?id=448186.

E para acompanhar o Projeto de Lei que proíbe a criação ou manutenção de qualquer animal doméstico, domesticado, nativo, exótico, silvestre ou ornamental com a finalidade de extração de peles no Estado de São Paulo, clique neste link: http://www.al.sp.gov.br/spl_consultas/consultaDetalhesProposicao.do?idDocumento=1019234#inicio 

A vitória se aproxima!

Foi aprovado em 23 de novembro de 2011 - por unanimidade! - pela Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, o relatório ao Projeto de Lei 5956/2009 que proíbe o abate de chinchilas para fins comerciais em todo o território nacional.

A proposta que está tramitando em caráter conclusivo será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e seguirá para apreciação no Plenário.


Preservação

Em prol da preservação das chinchilas selvagens em 1983, se declara "Reserva Natural Las Chinchillas" a única região na Cordilheira do Chile aonde ainda se encontra colônias de chinchilas lanígeras selvagens. Infelizmente nos países Bolívia, Peru e Argentina não mais existem chinchilas selvagens.

Protected by Copyscape Plagiarism Detection
Crie um site gratuito com o Yola.